Buscar
  • fcbreder

Você teve uma ideia! E agora?



Escrever um livro é uma maratona. Leva tempo entre o rascunho e a versão final, editada e revisada, principalmente se você estuda, trabalha e tem outras responsabilidades além de escrever. Mas todo livro começa com uma ideia. Algo que você quer contar, ou um tema que te empolgue. A ideia inicial pode ser um personagem, uma cena, qualquer coisa.

Mas, pra transformar essa ideia em uma história, o primeiro passo é definir alguns elementos essenciais:


1 - Seu protagonista:

Ele vai carregar a história nas costas! É a pessoa mais importante do seu livro, então precisa ser alguém que você e seu leitor vão conhecer muito bem. E não é só uma questão de pensar um passado triste e pronto: a personalidade (ou “voz”) desse personagem, principalmente se você pretende escrever em 1a pessoa, precisa ficar muito clara. E defeitos são imprescindíveis! Ninguém vai torcer por e se identificar com um personagem certinho demais.

2 - A trama (ou desejo + conflito):

O que o seu protagonista deseja atingir? O que vai impedir que ele chegue a esse objetivo? Como ele resolve esse problema? O que ele consegue no final?

São os obstáculos que tornam uma história interessante. E seu personagem principal precisa mover a trama, não só reagir a ela.

3 - O cenário:

Onde se passa a sua história? É no mundo real, tempo presente? Se passa em outro planeta, no futuro? Em uma cidade fictícia nos tempos medievais? O importante dessa decisão é que se você escolher qualquer coisa diferente da sua realidade, você vai precisar pesquisar bastante. Se sua história se passa em outro país, quais elementos dessa cultura você quer incluir? Se é um mundo fictício, como ele funciona? Uma das coisas que me fazem largar um livro é quando eu percebo que ele não foi bem pesquisado. Por exemplo, quando um filme americano diz que brasileiros falam espanhol, dá raiva porque não é bem assim, né?


Você sempre pode mudar de ideia depois!

No meu caso, eu tentei escrever um livro que se passava no século 16, mas nunca conseguia terminar porque toda hora eu parava pra pesquisar detalhes bobos (tipo quando bolsos foram inventados). Mas reaproveitei os personagens e a trama em uma história contemporânea e deu muito mais certo.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo